Seguidores

domingo, 29 de janeiro de 2017

Médicos Cubanos vão trabalhar em Novo Progresso já estão no Pará

(Foto Divulgação)
68 novos profissionais desembarcam no Pará

68 médicos cubanos desembarcaram no Pará na sexta-feira (27). Eles vão trabalhar em 38 municípios paraenses e mais quatro Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEIs), dentro do Programa Mais Médicos, desenvolvido pelo Ministério da Saúde.

Com a chegada desse grupo de reposição, o Pará conta com 789 médicos do Programa, incluindo os profissionais intercambistas e cubanos. Há médicos também atuando em quatro DSEIs. Já pelo Provab, o Pará conta com 49 médicos.

Lançado em julho de 2013 pelo Governo Federal, o Programa Mais Médicos tem como objetivo ampliar o número de profissionais nas regiões mais carentes do país, que normalmente não despertaram o interesse de profissionais brasileiros.

Os médicos serão encaminhados para os seguintes municípios: Altamira, Anapu, Aurora do Pará, Aveiro, Bragre, Belterra, Bragança, Brasil Novo, Brejo Grande do Araguaia, Breves, Cumaru do Norte, Curralinho, Curuá, DSEI de Altamira, DSEI Guamá-Tocantins, DSEI Rio Tapajós, Floresta do Araguaia, Itupiranga, Jacareacanga, Limoeiro do Ajuru, Marabá, Muaná, Nova Esperança do Poriá, Novo Progresso, Novo Repartimento, Obidos, Oeiras do Pará, Oriximiná, Pacajá, Paragominas, Portel, Porto de Moz, Santa Maria das Barreiras, São Domingos do Capim, São Felix do Xingu, São João de Pirabas, Soure e Tucuruí.

(Com informações da Agência Pará)