Seguidores

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Eleição- uma análise das promessas


Um fenômeno de Mentiras se espalha com rapidez pela cidade de Novo Progresso: os autores  “candidatos à vereador”. 





É um teatro grandioso, que proporciona uma infindável discussão. A relevância do mesmo já faz com que linguistas famosos se esforcem em entender a dinâmica do dialeto usado por esse grupo, inclusive. Afinal, quem são os candidatos, o que eles querem com esse teatro (Mentiras) em cima de palanque?

O que eles são?
“Candidatos ao Legislativo”, falando sério, muitos deles, fazem parte de um grupo que tenta angariar votos mentindo para o Povo em plena Campanha.


Dentre eles está o individualismo exacerbado, e dezenas de coisas que derivam disso: a necessidade de diferenciação em relação ao restante da sociedade, a forte priorização da segurança em sua vida cotidiana, como elemento de “não-mistura” com o restante da sociedade, aliadas com uma forte necessidade parecer engraçado ou bom moço.

Exemplos
  • · Vereador que já foi até presidente da Câmara no palanque prometeu asfaltar um bairro inteiro caso eleito- (Obs. Não é competência do Vereador).
  • · Outro promete que vai construir quadras poliesportivas nos quatro cantos do município.
  • · Vereador Outdoor - Grava áudio e vídeo com Deputado do Mato Grosso para apoiar sua candidatura - ou ele esqueceu que reside em Novo Progresso no estado do Pará, ou quer enganar quem com isto?
  • · Outro caso reeleito vai redefinir a Flona (Obs. Não é competência do Vereador legislar em causa Federal)
  • · Outro prometeu criar um distrito no bairro.
  • · Vereador prometeu trazer a Copa do Mundo para Novo Progresso. Quer fazer tudo pelo Esporte local.
  • · Vereador Príncipe- Nunca possuiu um veículo agora só anda rodeado de segurança e de carona com motorista particular.
  • · Vereador Prefeito- Promete fazer obras, aumentar salário, construir hospital, pagar fornecedores em dia, asfaltar todos os bairros da cidade em quatro anos.
  • · Vereador Duplicata – Aquele que adquiri uma área de terra demarca e loteia, posteriormente vende os lotes para os eleitores como duplicata, caso ganhe eleição não precisa pagar.
  • · Vereador Ibama- Financiado por alguns devastadores que promete se eleito mandar o IBAMA embora da cidade.
  • · Vereador aumento salarial- Promete aumentar o salário dos servidores Municipais- Desconhece qual a função do vereador - ordenar despesa compete unicamente ao Executivo.
  • · Vereador Sem Terra- Promete se eleito assentar sem terra- (Não compete ao vereador).
  • · Vereador Sala de Aula- Promete construir salas de aulas novas em todas as escolas da rede municipal. (Não é competência de vereador)
Esquecem os Candidatos que a Câmara Municipal não é um setor ou departamento da prefeitura. Na verdade, é um poder que tem suas próprias regras e funciona de acordo com o seu Regimento Interno. Têm funcionários, equipamentos e recursos financeiros próprios, recursos estes previstos no Orçamento Anual do Município. Apesar de ser um poder independente dos demais, a Câmara funciona com base em regras estabelecidas pela Constituição Federal, pela Constituição Estadual, pela Lei Orgânica do Município e por seu Regimento Interno. São estas regras que regulam a ação dos vereadores quando fazem as leis municipais.