Seguidores

sábado, 28 de maio de 2016

PDT suspende processo de expulsão de dois senadores pró-impeachment

Carlos Luppi Pres.Nac.PDT
O PDT suspenderá, na segunda-feira (30), os processos de expulsão dos senadores Lasier Martins (RS – foto) e Acir Gurgacz (RO).

Eles votaram a favor da admissibilidade do processo de impeachment no Senado, concorrendo para o afastamento da presidente Dilma Rousseff.
Segundo o presidente da legenda, Carlos Lupi, a suspensão dos processos ocorre porque votaram somente a favor da admissibilidade do processo, e não, ao menos por enquanto, pela saída definitiva de Dilma.“Vamos aguardar a votação do mérito”, diz Lupi.

Ainda de acordo com ele, Gurgacz se comprometeu a votar contra o impeachment de Dilma.

Mais difícil, porém, é a situação de Lasier.

Ele não só desafiou a posição do partido, como, num pronunciamento no final de abril na tribuna do Senado, disse que deplorava “os rumos que vem tomando o meu partido sob a presidência de Carlos Lupi, que vem liderando o desvirtuamento do PDT”.

E completou: ”Se Carlos Lupi ama Dilma, que case com ela! Mas deixe o PDT em paz.”

Por Época