Seguidores

quarta-feira, 6 de abril de 2016

Corte de verba do Governo pode fechar única escola mantida pelo estado em Novo Progresso




Após o anuncio de contenção de despesa , anunciado pelo  governador Simão Jatene no ultimo dia 30 de março, onde culpou  o cenário atual nacional,  e mostrou o impacto que ele traz ao estado como um todo e os termos do decreto, ficou difícil manter escola Waldemar Lindermayer funcionando em Novo Progresso. A meta, com a contenção, é reduzir os gastos da máquina administrativa em R$ 80 milhões, de forma a garantir que o Estado continue mantendo a sua capacidade de investimento e honrando com o pagamento do funcionalismo, diferente do que já vem acontecendo em outras administrações estaduais ,disse o governador.
Reunião na escola
Esta medida impossibilitou a contratação dos servidores da educação da Escola Estadual Waldemar Lindermayer em Novo Progresso.

A bomba veio a tona nesta terça-feira (05),  em reunião com  a imprensa e professores alunos e pais na escola , onde a direção mencionou que este problema se arrasta  a mais de três anos e o município nada pode fazer porque esta escola e estadual e o municio não recebe recurso par este fim. 
 A solução é cobrada segundo a direção da escola ao Governo estadual Simão Jatene , e vem se arrastando a anos, assessora do Governo no Município a  ex-prefeita Madalena Hoffman (PSDB) , o Deputado Estadual Hilton Aguiar (PSD), são conhecedores  do problema e nunca conseguiram resolver. Já o radialista  RJ disse  na rádio comunitária na manha desta quarta-feira (06), que isto tudo é falta de interesse do governo do estado e continuou... “Uma Vergonha , o abandono do Governo do estado pode deixar mais de mil alunos do ensino médio fora da escola Valdemar Lindermayer”. Mesmo sendo assessora direta do Governo , a ex-prefeita Madalena Hoffman (PSDB) não faz nada. “A política do quanto pior Melhor”, o radialista divulgou na mídia social e narrou na emissora.
A direção da escola repassou a situação ao prefeito, aos vereadores e ao governo , segundo ela os servidores e professores da escola estão com contrato vencido e precisa de renova-los para continuar com escola funcionando , e tem quer  ser imediato, relatou.
Leia na integra a decisão do Governo AQUI