Seguidores

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Cobra Gigante em Altamira e Jacaré em Itaituba

 Cobra gigante teria sido encontrada em Belo Monte
FotoWhatsApp
Fotos e vídeos de uma cobra gigante circulam na internet desde segunda-feira (1º). As informações compartilhadas nas redes sociais afirmam que o réptil - medindo mais de 10 metros e pesando cerca de 400 kg - foi encontrado em Altamira, no oeste paraense, após uma caverna ser explodida durante obras da usina de Belo Monte.
As informações, entretanto, foram negadas pela Norte Energia, responsável pelo Consórcio Construtor Belo Monte.
O assunto viralizou nas redes sociais, mas muitos internautas desconfiam se tratar de uma fraude ou montagem.

“Gente, para! Tudo agora é aqui em Belo Monte, só por causa da obra? Não é daqui. Eu moro em Altamira e nunca ouvi (falar) algo sobre essa captura. Ou vocês acham que se aparecesse um bicho desses aqui não viraria notícia?”, comentou uma internauta.
Outro internauta tentou justificar o aparecimento do animal. “Se isso está acontecendo é devido ao desmatamento ilegal que o homem está fazendo. É claro que elas (as cobras e os outros animais) vão aparecer, sendo que a casa delas está sendo destruída”.
Foto-WhatsApp

E alguns internautas imaginaram o bicho em exposição: “Lindo animal, um dos mais raros a chegar a esse tamanho. Ia ser legal ver uma dessa num zoológico”. 
HOAX
Apesar das especulações, a história pode ser um hoax - diz-se das histórias falsas, compartilhadas por e-mail, redes sociais e internet em geral - e estar sendo compartilhada desde 2014.
O DOL pesquisou em outras fontes e encontrou uma das fotos com uma história semelhante, partindo do WhatsApp, porém, em um lugar diferente.
A cobra gigante, identificada como sendo uma sucuri, teria sido encontrada na hidrelétrica de Jirau, distante 100 quilômetros de Porto Velho (RO), durante a época da cheia dos rios.
Embora esta e outras imagens não tenham confirmação de sua origem, ao menos, nesta terça-feira (02), um jacaré com mais de três metros foi visto por pescadores no rio Tapajós, em Itaituba.(DOL)


FotosWhatsApp
 Jacaré de aproximadamente três metros é visto no Rio Tapajós em Itaituba
Na manhã desta terça feira, 02 de Fevereiro, pilotos de voadeiras que fazem a travessia do Rio Tapajós, entre Itaituba e o distrito de Miritituba foram surpreendidos com a presença de um Jacaré de aproximadamente três metros de cumprimento.
Segundo informações era por volta das 11 horas quando o Jacaré foi visto pelos pilotos das pequenas embarcações, alguns ainda chegaram a seguir o Jacaré que estava parcialmente submerso nas águas do Rio Tapajó e registraram como fotos e vídeos o animal. O Jacaré não foi capturado e desceu nas águas do rio. Não é a primeira vez que um Jacaré desse tamanho é visto em frente à cidade de Itaituba. 
FotoWhatsApp
Segundo pescadores que viram o animal disse que o mesmo seria (jacaré-açu) que é uma espécie de jacaré exclusiva da América do Sul. Também conhecido como jacaré-negro, é um predador de topo de cadeia alimentar. Exemplares adultos de grandes dimensões podem predar qualquer animal de seu habitat, inclusive outros predadores de topo, como onças, pumas, jibóias e sucuris, se forem surpreendidos por esses animais.
Normalmente, se alimenta de pequenos animais, como tartarugas, peixes, capivaras e veados. É uma espécie que esteve à beira da extinção, devido ao valor comercial do seu couro de cor negra e da sua carne. Atualmente, encontra-se protegido e sua população encontra-se estável no Brasil. É a maior espécie de jacaré, podendo atingir até 4,5 metros de comprimento e mais de trezentos quilogramas. Porém já foram encontrados exemplares com mais de 5,5 metros de comprimento e possivelmente meia tonelada de peso.



Fonte: Junior Ribeiro com fotos via Whatsapp