Seguidores

quarta-feira, 11 de março de 2015

Legislativo pelo avesso

Fato estranho acontece no legislativo progressense.

Toda via é normal encontrarmos nas sessões ordinárias preposições de autorias de vereadores de oposição implorando  para arrumar tais ruas, aprovam requerimentos e ninguém atende...Somente aprovam!
Anormal é o líder do governo aquele que tem acesso direto com o alcaide, encaminhar estas proposições na pauta do dia. Normalmente estes problemas são acertados nos bastidores, pois o aceso e a confiança é mutua.
Legislando pelo Avesso
Diferente o que encontramos no legislativo progressense, quem deveria estar solicitando - esta quieto – calmo - enquanto isto.... o líder do governo na casa Vereador Eloido (PR), ocupa o cargo dos opositores. Ai inventa papel pro moço fazer requerimentos com nome de ruas para serem recuperadas na cidade.

Esquecem:
Pois, o VEREADOR é a pessoa eleita pelo povo para vigiar, ou cuidar do bem e dos negócios do povo em relação à ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, ditando as leis (normas) necessárias para esse objetivo, sem, contudo, ter nenhum poder de EXECUÇÃO ADMINISTRATIVA. Portanto, não pode prometer, já que não tem poderes para cumprir e/ou realizar obras, resolver problemas da SAÚDE, da EDUCAÇÃO, do ESPORTE, da CULTURA, do LAZER, do ASFALTO, do MEIO AMBIENTE, do TRÂNSITO, dos LOTEAMENTOS e CASAS POPULARES, etc.
– Fiscalizar é a mais importante função do Vereador, com auxilio de outros controladores externos, como Tribunal de Contas e Ministério Público, tem o DEVER e o PODER do controle e a fiscalização dos atos do Executivo, impedindo-lhe os abusos e cuidando da APLICAÇÃO DO DINHEIRO DOS CONTRIBUINTES.