Seguidores

terça-feira, 9 de setembro de 2014

Olimpíada de Matemática

Mais de 900 mil estudantes participam da segunda fase da Olimpíada de Matemática
Foto- Divulgação
As escolas têm até o fim do mês para conferir dados sobre alunos informados no Censo Escolar
Em Novo Progresso também será realizado no Sábado ,13.

Mais de 900 mil estudantes fazem segunda fase da Obmep.
Elza Fiuza/Agência Brasil

Neste sábado (13), 907.446 estudantes de mais de 41 mil escolas de todo o país farão a prova da segunda fase da 10ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep 2014).
A atividade, do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (Impa), tem a finalidade de despertar o interesse dos alunos e revelar talentos.
São mais de 9 mil centros de aplicação em todos os estados. As escolas podem conferir o local de prova e imprimir o cartão de confirmação dos estudantes pelo site http://www.obmep.org.br. De acordo com o Impa, os cartões já foram enviados às escolas. É importante comparecer ao local de prova com meia hora de antecedência e levar um documento original com foto.
A primeira fase, com 20 questões objetivas, ocorreu no dia 27 de maio, com mais de 18 milhões de estudantes de 5.533 municípios. Os 5% mais bem colocados seguem para a segunda fase, composta por seis questões discursivas, em que é preciso descrever os cálculos e o raciocínio usado. O resultado será divulgado no dia 1º de dezembro.
A estimativa deste ano é que sejam premiados 500 estudantes com medalha de ouro, 1.500 com a de prata e 4.500 com a de bronze, além de 46.200 ganhadores de menções honrosas. Todos os medalhistas são convidados a participar do Programa de Iniciação Científica do Impa. Professores, escolas e secretarias de Educação que se destacarem pelo desempenho dos alunos também serão premiados.
Ainda no sábado, 13 mil professores farão prova de habilitação do Programa Obmep na Escola. O objetivo é selecionar mil professores das redes estadual e municipal para participar, a partir de março de 2015, de atividades extraclasse, nas escolas, com os materiais da olimpíada.
Akemi Nitahara – Repórter da Agência Brasil Edição: Talita Cavalcante