Seguidores

segunda-feira, 21 de julho de 2014

Pará usa drone para combater garimpo clandestino

Equipamento feito em São Paulo custou mais de R$ 300 mil.
Equipamento feito em São Paulo custou mais de R$ 300 mil
 

Aparelho usa câmeras de alta definição e lentes que captam infravermelho.

O governo do Pará vai utilizar um Veículo Aéreo Não Tripulado (VANT) para fazer fiscalização mineral no estado. O equipamento, que também é conhecido como drone, foi comprado de uma empresa de São Paulo ao custo de R$ R$ 307 mil para combater o garimpo clandestino: segundo o governo do Pará, existem mais de mil pontos de extração mineral no estado, mas apenas 50 são legalizados. Leia mais AQUI