Seguidores

quinta-feira, 6 de março de 2014

Acusado da morte de procuradora ainda não foi localizado

Procuradora, sua filha e funcionária de loja foram mortas a facadas
Foto Divulgação Policia Civil
 
Continua foragido o homem acusado de ser o autor do triplo homicídio, do qual foram vítimas a advogada Leda Marta Lucyk dos Santos - que atuava como procuradora do município de Itaituba, no sudoeste paraense -, a filha dela, Hanna Estela, e Taynara Siqueira, funcionária da loja da procuradora. O crime aconteceu no dia 22 de fevereiro.
 O ex-marido de Leda, Altair dos Santos, está preso acusado de ser o mandante, mas ele nega participação no triplo homicídio. Continue Lendo AQUI