Seguidores

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Em defesa ao consumidor....

Juiz de Novo Progresso proíbe a Tim de vender chip e  da prazo para melhorar o serviço de telefonia móvel  no município
Juiz Substituto de Novo Progresso
 "Dr. Iran Ferreira Sampaio"
A Ação Civil Pública foi proposta em Novembro de 2013, pela Defensoria Pública do Estado do Pará, com o objetivo de melhorar o serviço da TIM no município.
A ação, assinada pela Defensoria Pública da  Comarca de Novo Progresso pede ainda a suspensão da venda de novos  chips e linha
telefônica até que a prestação de serviço esteja de acordo com os comandos do Código de Defesa do Consumidor. Leia mais AQUI